quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

ERA UMA VEZ,

                              







                                                                          Era uma vez,

uma família muito simples que vivia numa pequena vila nas montanhas. O marido era marceneiro, daqueles que faziam trabalhos rústicos , pois não dispunha de máquinas ou aparelhos adequados e sim os eram improvisados , mas suficientes para aparelhar uma madeira, serrá-la e armar uma mesa, uma cama ou uma cadeira.

         A mulher do marceneiro cuidava dos afazeres na pobre choupana em que viviam, das roupas a lavar e costurá-las quando necessário e das prendas que envolviam as refeições. Cuidava também da colheita de alimentos, como dos legumes, do pequeno rebanho de ovelhas, da extração do óleo de oliva e outros trabalhos afins...

     Numa linda noite de verão , o casal estava sentado fora de sua choupana e apreciavam o esplendor do céu e das estrelas e foram dormir encantados com o dia passado e especialmente pela linda noite.

     Durante a noite a mulher do marceneiro foi acordada com o chamado de um anjo, que veio até ela lhe trazer uma mensagem – disse-lhe que havia sido escolhida para gerar uma criança muito especial; seria o filho de Deus, cujo nome seria Jesus de Nazaré. A partir daquele momento começara sua gestação.

       Com a simplicidade dos pastores, a mulher, Maria, contou o ocorrido ao marido José. Ambos ficaram encantados.

        Os meses se passaram e uma estrela gigante sinalizava a posição de onde seria o nascimento do menino Jesus. Três reis de reinados distantes, viajaram juntos para presentear o menino que iria nascer naquela noite que passaria a ser chamada no futuro de noite de Natal.

        O menino nasceu, os três reis chegaram com seus presentes e Maria e José acariciava em sua manjedoura o menino Jesus.

        O menino crescera e tornara-se um peregrino que passou sua curta vida a espalhar o amor e a conquistar homens a seguirem-no tornando-os seus discípulos. Sem dúvida, conforme os escritos tornou-se um notável filósofo e pregador dos pregadores. Sua influência em espalhar o amor, realizar com a fé seus milagres, causaram inveja aos governantes de Roma que na época dominavam a região.

        A missão de Maria, mulher do marceneiro José foi a de gerar o menino Jesus. Este por sua vez tinha uma missão muito especial : A pregação e a arregimentação dos seus discípulos, incluindo Pedro, que se tornaria o primeiro Papa da era cristã, e ainda sua missão mais importante, morrer por todos nós. E foi consumado, Pôncio Pilatos ordenou sua crucificação.

        Aquele homem, filho de pastores, morreu por nós e subiu aos céus para ficar ao lado de seu pai.

        No dia de Natal lembre-se disso, que ocorreu há mais de 2.000 anos, ame esse homem, afinal ele além de tudo que fez por nós, é filho de Deus.




                                                                                              Gilson Marcio Machado

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

O BRASIL É SOBERANO !

       O Brasil é soberano !

     Na noite de domingo, dia 26 de outubro de 2014, dia de eleições, 2º turno, alguns estados para governadores e, o mais importante, a nível federal: para presidente da República Federativa do Brasil, após as 17:00 h , nos estados que houverem segundo turno para governadores , as pesquisas de “boca-de-urna” já divulgarão os resultados, que normalmente são compatíveis com os definitivos apontados oficialmente nas urnas. Mas, para presidente, somente após as 20:00 h , pois conforme a lei eleitoral a divulgação de pesquisas de “boca-de-urna” e até mesmo as apurações parciais são proibidas , devido ao fuso horário de alguns estados ao norte do país cujas votações só terminarão às 20:00 h (devido ao fuso e também horário de verão – hora de Brasília).

      Portanto, às 20:00 h as pesquisas serão divulgadas, como também as apurações parciais para presidente ou talvez até o resultado definitivo da votação. Nesse momento o cidadão tomará conhecimento do seu novo presidente da república ou a continuidade da presidente hoje no poder.

    Independentemente, para o Brasil , qual seja o eleito a se diplomar pelo STE como Presidente da República para o mandato de 2015 a 2018, o país continuará sua trajetória iniciada pelo governo português no século XVI. O país continuará, a vida econômica e política também ; enfim, o país sobreviverá; não acabará.

   Se a oposição ao atual governo ganhar as eleições, o novo mandatário , no caso Aécio Neves , representando o PSDB, iniciará uma nova fase governamental no país, e deverá fazer aos 70 milhões de eleitores o prometido em campanha, e como o apelo é de um governo solidário, imparcial, generoso, e voltado a novos programas de reconstrução nacional , tanto na economia como nas necessidades básicas dos brasileiros, como segurança , educação, saúde e honestidade , incluindo a transparência. Um governo do povo, pelo povo e para o povo (como dizia Abraham Lincoln – Ex-presidente dos EUA) independente de sua bandeira política, portanto, um governo para cerca de 140 milhões de eleitores e, no universo populacional, 203 milhões de brasileiros.

    Caso o governo da situação se reeleja, o Brasil de mesma forma não irá acabar, vai continuar sua trajetória de “gigante por natureza”, e o eleito deverá cumprir suas promessas aos 70 milhões de eleitores que endossaram sua continuidade no poder. Provavelmente com responsabilidades maiores, pois o embate eleitoral foi duro pelos desmandos em nossas empresas e bancos públicos, corrupções, inflação latejante e economia estagnada, alianças com países não dignos do povo brasileiro, e sem esquecer nas manifestações de descontentamentos em massa ocorridas em meados de 2013.

   Não importa o presidenciável que vença as eleições, importa sim o nosso Brasil varonil, com seus 8.515.767 km² de área territorial, rico em terras férteis, ideais para o tornarem realmente o celeiro do mundo, tanto em grãos, frutas, hortaliças e como em carnes bovinas, suínas e de frango. País com reservas minerais: ferro, manganês , bauxita e nióbio , minerais nobres , de água, de florestas e de vasto litoral, fronteira continental de plataforma marítima sobre lençóis gigantescos no pré-sal de petróleo, que inevitavelmente levará o país a uma posição de destaque no fornecimento mundial de petróleo além de energias renováveis, como o etanol e o biodiesel.


   O Brasil é soberano não somente às outras nações, mas também aos próprios governantes por mais tempo que determinados partidos fiquem no  poder, sabe-se lá como o conseguem. As riquezas brasileiras não possuem donos partidários, pertencem ao povo brasileiro. Não foram as nossas terras, florestas, minérios ,incluindo o pré-sal, feitas ou produzidos pelo PT ou PSDB, são riquezas inerentes à terra. O governo atua em nome do povo; e , assim esperamos que ocorra para o bem do Brasil e dos nossos descendentes que herdarão a nação que nós lhes deixarmos , que deverá ser independente , produtiva, competitiva, potência mundial e democrática como os gregos já apregoavam ao criarem a democracia e, acima de tudo SOBERANA, com letras maiúsculas , livre de acharcadores de suas riquezas nem que sejam transformados em Rei Midas, que conforme a mitologia grega em tudo que tocava virava ouro , mas no caso que seja ao inverso, se tocarem em ouro público que virem estátuas mesmo que sejam de ouro, mas petrificadas , pois estariam banidos da vida política.

Crônica de Gilson Marcio Machado
publicada no jornal Tribuna Regional

 

sábado, 18 de outubro de 2014

Crônica Semanal de Gilson Marcio Machado - Jornal Tribuna Regional

                      A Petrobras e a operação “Lava jato” da PF

   Vamos entender os acontecimentos em torno do escândalo, que aparentemente faz do “mensalão um mensalinho”, em torno da nossa empresa Petrobras, que há cinco anos era a 12º empresa do mundo , levando-se em conta seu valor de mercado, e hoje, certamente após todos os desvios por negociatas entre corruptos e corruptores , caiu no ranking para o 120º lugar (Fonte: Revista Financial Times - reportagem de 21.03.2014). Convém salientar também o represamento de aumento de preços dos combustíveis, como política econômica do governo, que acaba saindo dos cofres da própria Petrobras, pois acaba bancando as defasagens.

      O dado mais alarmante é que há apenas um ano a Petrobras estava na 48º posição e nesse curto período de tempo caiu para 120º.

A refinaria Pasadena – Texas – EUA

. A Petrobras comprou em 2006 a refinaria Pasadena o que levantou suspeitas de superfaturamento e evasão de divisas com a referida negociação . Houve grande repercussão pelo fato de que era Dilma Rousseff quem presidia o Conselho de Administração da empresa, que teria dado aval à negociação.

. A Petrobras pagou no negócio em 2006 US$360 milhões por 50% da refinaria, incluindo o estoque de petróleo que estava na época em Pasadena. O valor era muito superior ao pago um ano antes pela empresa Astra Oil que foi US$ 42,5 milhões pela refinaria toda.

. Não bastasse isso em 2008 houve um desentendimento entre a Petrobras e a Astra Oil e por decisão judicial a estatal brasileira teve que comprar a parte da Astra e o negócio de Pasadena acabou custando aos cofres da Petrobras o montante de US$ 1,18 bilhão , valor esse 27 vezes superior ao valor investido pela Astra.

. O Ministério Público e a Polícia Federal abriram investigações ,o TCU –Tribunal de Contas da União aprovou só a compra dos primeiros 50% sob alegação que o relatório apresentado ao conselho da empresa era falho e omitia duas cláusulas que acabaram ocasionando prejuízo à estatal.

A CPI da Petrobras
. Em maio de 2013 o líder do PMDB na câmara consegue 199 assinaturas para protocolar a CPI contra a Petrobras, então comandada por Graça Foster, que havia comparecido à câmara para prestar esclarecimentos sobre a aquisição de Pasadena.   O autor do requerimento foi o deputado Leonardo Quintão (PMDB- MG). Quinhão era cotado para assumir o Ministério da Agricultura e foi vetado pelo PT de Minas Gerais.´
. O negócio de Pasadena trouxe um prejuízo à Petrobras de cerca de US$ 1 bilhão, o que motivou a instalação da CPI.

A operação Lava Jato e seus desdobramentos :

. Foi deflagrada em 17 de março de 2014 pela PF – Polícia Federal que pelas investigações havia um esquema de lavagem de dinheiro e evasão de divisas que segundo a PF teria movimentado cerca de R$ 10 bilhões. A investigação havia identificado um grupo brasileiro especializado no mercado clandestino de câmbio. Como suspeitos havia políticos e o ex-dirigente da Petrobras Paulo Roberto Costa e o cambista Alberto Youssef.

. Na primeira fase da operação a PF executou mandados de prisão e de busca e apreensão em Curitiba – PR e em outras 16 cidades paranaenses. Foram cumpridas também ordens judiciais em outros 6 estados : São Paulo, Distrito Federal, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Santa Catarina e Rio de Janeiro.

. Foram presos Alberto Youssef e o ex-diretor de Refino e Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa.
. Na segunda etapa da operação , em 11 de abril passado, a PF desencadeou o cumprimento de 16 mandados de busca e de quatro conduções coercitivas.     Nessa mesma ocasião a PF recolheu documentos na sede da Petrobras no Rio de Janeiro.
. Segundo a PF os suspeitos eram responsáveis pela movimentação financeira e lavagem de ativos de diversas pessoas físicas e também jurídicas envolvidas em vários crimes; entre esses crimes estão o tráfico internacional de drogas, corrupção de agentes públicos, sonegação fiscal, evasão de divisas, dentre outros.

A delação premiada

. O ex-diretor da Petrobras preso na operação Lava Jato, Paulo Roberto Costa fez acordo de deleção premiada com a justiça com intuito de redução de sua pena e ter direito a responder ao processo em liberdade. Inicia assim uma série de revelações bombásticas contra dirigentes da estatal, políticos , partidos políticos , dando sinais , inclusive, de que o escândalo da Petrobras é apenas a “ponta de um iceberg” de um esquema gigantesco de corrupção.

. Em depoimento à Polícia Federal, por conta da delação premiada, o ex-diretor da Petrobras revelou que três governadores, seis senadores, um ministro e cerca de 25 deputados federais foram beneficiados com pagamentos de propinas oriundas de contratos com fornecedores da estatal.

. Nesses depoimentos Costa revela pela primeira vez que as empreiteiras contratadas pela Petrobras tinham de contribuir para um caixa paralelo que era distribuído a partidos e políticos da base governista. Revelou ainda, que cada partido tinha seu encarregado de fazer a intermediação com o esquema da corrupção. As empreiteiras tinham a obrigação de colaborarem não somente devido o seus fornecimentos à Petrobras, como poderiam se prejudicarem também com as várias obras tocadas pelo governo em seus vários ministérios.

. Segundo os depoimentos de Costa o esquema na Petrobras funcionou ao longo dos dois mandatos do ex-presidente Lula e também nos dois primeiros anos da gestão de Dilma.
. De acordo com vários órgãos de imprensa existem outras revelações bombásticas por conta dessa delação premiada, tais como que eram estipuladas porcentagens fixas das propinas a partidos e a diretores da estatal, e muitas outras deverão ocorrer ainda, conforme o acordo firmado da delação.
       Realmente em nosso país é só procurar em seus vários órgãos do governo ou em suas estatais, a exemplo da Petrobras, dos Correios, Bancos estatais , em ONGs... – acham-se corrupções.
       Até quando, nós brasileiros, continuaremos como meros observadores e até omissos no que tange aos nossos princípios de cidadãos, que fazem a história de cada dia, desse século em que já vivemos uma grande evolução nas comunicações em real time  não só no país e sim com o mundo todo?
       O momento é oportuno para lembrarmos que possuímos a mais poderosa das armas contra a corrupção – o voto, seja nas urnas eletrônicas, ou nas de biometria e ou até nas cédulas de papéis.


O ELEITOR CONTINUA FIEL À SUA ESCOLHA - Editorial do Jornal Tribuna Regional


sábado, 11 de outubro de 2014

ESTAR NO CONTROLE

                                             Estar no controle

          Muitos amigos e conhecidos já se foram, apesar de jovens ainda, pelos padrões dos sessentões. Queriam viver muito , como todos, mas uns morreram acidentalmente, outros por doenças que lhes foram fatais e outros por não colaboravam com eles mesmos; é o que dá quando se acha que “está no controle”. São as malfadadas drogas lícitas : o álcool e o cigarro , muitos faziam uso das mesmas , a exemplo de muitas pessoas, e se achavam estarem no controle, ou seja, uns fumavam, ou bebiam, e ou dois vícios juntos há ¼ e até ½ de século, mas os fumantes não se preocupavam com o risco do câncer ou enfisema pulmonar, pois seus pulmões estariam bons, visíveis num raio x, mas se tirassem um ultrassom ou fizessem uma ressonância magnética veriam que os malefícios do fumo são bem visíveis, e deixariam de pensar que esses males somente ocorrem com os outros; e, os alcoólatras nunca gostavam de falar em cirrose hepática, pois só aconteciam com os outros...

        Um dos maiores problemas dessa natureza é o consumo de álcool. Somos alcoólatras ou não, não há meio termo. Se faz uso constante do    álcool e gosta de repetir a dose – é um alcoólatra, e deixe dessa enganação de ser bebedor social, está enganando a si mesmo e aos outros, principalmente aqueles que fazem uso do álcool no anonimato. Beber socialmente é quem só faz uso do álcool em ocasiões especiais como: festas, comemorações e confraternizações. Como existem também pessoas que não bebem de forma nenhuma por vários motivos , tais como : por princípio, pela religião (apesar de que Cristo tomava vinho), por traumas domésticos adquiridos em família devido a algum alcoólatra que é ou foi ligado e pessoas cujos organismos não toleram o álcool.

        O maior problema dos alcoólatras – acham que estão no controle : parariam a qualquer momento. Mesmo com a disposição de familiares em ajudarem com internações em clinicas de desintoxicação, ou até mesmo conselhos de frequentar um A.A (Alcoólatras Anônimos) , não aceitam, pois estão certos que podem parar sozinhos. Ledo engano, assim foi que perdi alguns amigos.

        Portanto, parem com essa balela de que “estão no controle” com o uso dessas drogas lícitas; vocês na realidade estão sim escravizados por elas, ou seja, estão absolutamente na dependência química do álcool , da nicotina e dezenas de outros componentes do cigarro. Melhor admitir e achar que é dependente e não sentar no “rabo” e criticar a outrem pelas suas dependências.

       Já nas bastassem as fatalidades da vida – acidentes automobilísticos, atropelamentos, latrocínios, e estarmos sujeitos a contrair doenças crônicas ou até fatais, não vamos colaborar com o aumento de probabilidades de problemas de saúde. Como diz o velho ditado: “Se conselho fosse bom seria vendido”, mas aqui vão algumas dicas de um sessentão:

Deixar de fumar :

. Reduzir gradativamente não funciona. Você tem que tomar sua decisão e se convencer de que vai parar, portanto, não adianta reduzir, usar remédios, emplastos ou outro subterfúgio qualquer, o que resolve é a determinação.
, Se decidir programe para dar o “basta” num final de semana, e aproveite para não sair da cama, nem escove os dentes, alimente-se no quarto mesmo, assista TV para o tempo passar. A maioria das pessoas não fuma no quarto, daí o motivo de ficar em um num fim de semana ajudará você a passar o choque da abstinência  nas primeiras 48 horas. Aquente firme na sequência da semana, carregue os cigarros no bolso normalmente, mas não os ponha na boca. Se conseguir aguentar uma semana – pronto , está livre, o difícil já passou e agora só depende de sua determinação.

Deixar o álcool :

    Para alguns é mais difícil que deixar o cigarro e também há o inverso. A verdade é que o alcoolismo é uma doença, não uma irresponsabilidade ou qualquer outro predicado; como disse, quem bebe regularmente é alcoólatra e é uma doença. Os familiares, esposa e filhos, irmãos nem tanto, por vezes estão no mesmo barco, tem que admitirem isso e ajudarem na maneira do possível, já não criticando ou agredindo moralmente o alcoólatra seu de cada dia; já seria uma grande ajuda.

     O alcoólatra tem que admitir que o é e deixar de dizer que está “no controle”. Para parar requer uma grande determinação e força de vontade “pra ninguém botar defeito”; se não o conseguir sozinho procure por ajuda de um AA (Alcoólicos anônimos), pois além do orientador você estará junto a outras pessoas exatamente na mesma situação; funciona como uma terapia em grupo, um ajuda ao outro. Ajuda muito o indivíduo pensar que pode parar e que poderá voltar a fazer uso do álcool , é isso mesmo, enganar a si mesmo.

     Não adianta tentativas de despejar as suas bebidas na pia, evitar os amigos no "happy hour" ; toque a vida normalmente – o que tem ter é determinação. E, cuidado para não ingerir algo acidentalmente, como comer um bombom recheado com rum ou comer algum alimento temperado com vinho, pois poderia ter uma recaída.

     Enquanto não está nem ai com o assunto e continuar se achando “no controle”, evite ao menos bebidas de baixa qualidade e procure sempre comer algo para não bombardear o seu estomago vazio com o álcool. Tomar um complexo “B” de vez enquanto para ajudar ao seu fígado e sais minerais seriam de bom arbítrio sua reposição, pois o álcool desidrata e absorve os sais minerais de seu organismo.

     Se realmente consegue beber somente socialmente, muito bom, aproveite bem um dos prazeres da vida; mas , se é um alcoólatra é bom se convencer que nunca se está no controle, as suas glândulas do prazer estão sempre te instigando a tomar mais uma dose. Pense bem no assunto.


    Um brinde à vida ! Saúde !

                         CRÔNICA SEMANAL DE GILSON MARCIO MACHADO
                                             Jornal Tribuna Regional

A ANGÚSTIA DOS CANDIDATOS COMEÇOU

Editorial do jornal Tribuna Regional

por GILSON MARCIO MACHADO

                             A angústia dos candidatos começou


      nesta quinta-feira , dia 09 de outubro de 2014, com a campanha para o segundo turno, de um lado a candidata da situação , Dilma Rousseff e de outro Aécio Neves do PSDB da oposição, que foi para esse segundo turno de virada sobre Marina Silva.

    Nas últimas pesquisas Dilma aparecia estática nas intenções de votos e acabou tendo uma votação de 41,59% e Aécio em curva de tendência ascendente que lhe brindou com 33,55%, Marina , dantes em segundo lugar, cedeu lugar a Aécio , pois entrou em uma curva descendente, que de qualquer forma lhe rendeu 21,32%. Respectivamente 43,3 milhões, 34,9 milhões e 22,2 milhões de votos. 

       Nesta mesma quinta-feira a Rede Globo divulgou as pesquisas da Data Folha e do Ibope, as primeiras destes institutos no segundo turno, destacando o candidato da oposição à frente do governo petista em números absolutos, porém com empate técnico. Aécio aparece com 51 % contra 49% de Dilma dos votos válidos.

    Essas eleições de 2014 tem apresentado uma oscilação de tendências como nunca dantes vistas; os candidatos devem ficar com um pé à frente e dois atrás, pois podem ocorrer muitas surpresas ainda; inclusive, Marina Silva não divulgou ainda se apoiará Aécio Neves ou não, pois exige que o candidato prometa como programa de governo itens que seriam de sua pauta, como por exemplo, o término da reeleição. 

    Existem no cenário da arena, sem alusão ao antigo partido da época do governo militar, muitas batalhas, uma vez que munições não faltam : o escândalo da PETROBRAS, cuja delação premiada de seu ex-diretor, Paulo Roberto Costa , traz a todo o momento assuntos de impactos , sempre na mesma linha de corrupção; a denúncia dos Correios que teriam interferido nos resultados das eleições em Minas Gerais, ou seja, o PT usou a máquina estatal com os Correios na distribuição de material promocional de Dilma maciçamente em toda Minas Gerais em detrimento ao candidato do PSDB, cuja origem política é esse mesmo público. 

     Tudo isso um “prato cheio” para a própria imprensa, o que aliás ocorreu neste Jornal Nacional onde foi encaixado o primeiro horário político obrigatório ; ou seja, o programa do PSDB não falou nos escândalos , mas a Globo falou. Voltando ao primeiro programa político obrigatório, agora no segundo turno com 10 minutos para cada candidato, Dilma partiu para o ataque à era do PSDB no poder, e por outro lado apresenta um programa como se a atual presidente fosse de outro partido e outro político ; já Aécio Neves explorou sua ligação , como neto que é, com Tancredo Neves, sem ataques incisivos à candidata do PT. Claro que ambos têm por trás de suas campanhas os marqueteiros políticos, mas o estilo petista parece partir para um que não mais agrada aos eleitores, diferentemente do de Aécio que explorou mais o enfoque de mudanças, que é a palavra mágica do momento político.

     O dia da votação do segundo turno será 26 próximo, portanto, temos pela frente 15 dias angustiantes a todos nós do povo, ao PT de Lula que corre o risco de perder o poder e ao PSDB dos tucanos com a possibilidade de voltar ao poder após 12 anos.

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

DEBATE FINAL

              O ÚLTIMO CONFRONTO DO PRIMEIRO TURNO
                                                                                                                   Por Gilson Marcio Machado


    Na noite desta quinta-feira, dia 02 de outubro, foi realizado o último debate político dos candidatos à presidência da república. O palco do confronto foi nos estúdios da Rede Globo no Rio de Janeiro, sob a mediação do jornalista Willian Bonner.

  Os candidatos que mais se destacaram foram Aécio Neves e Dilma Rousseff, com uma boa dianteira de Aécio pela sua firmeza e postura ao responder as perguntas e em fazê-las, ressaltando que não necessitou de nenhuma anotação para consultar a qualquer questão; não foi o caso de Dilma que desfolhava a todo instante uma espessa apostila de dados.

   Aécio questionava com firmeza e respondia de pronto às questões que lhes eram dirigidas, mostrando familiaridade com os assuntos de interesse nacional. Dilma, por vezes esquivava-se das perguntas e por vezes, mesmo tentando mostrar domínio dos assuntos de governo, não convencia com suas respostas , e por vezes era repetitiva como se tivesse passado por um teste oral antes do debate.

   Marina da Silva mostrou-se um tanto despreparada para confrontar os dois outros candidatos do G-3, nome dado pelos próprios candidatos, aos três melhores colocados nas pesquisas. Marina demostrava uma postura de humildade perante seus opositores e não conseguia ser convincente com suas colocações.

    Todos os candidatos falaram em programas de governo, principalmente Marina e sempre mencionando que somente ela o tinha, mas ninguém efetivamente apresentou algum programa. Dilma dava a entender que o seu governo e sua continuidade já seria o programa; Aécio falava que estava preparado para a presidência e chegava a convencer.

   Os candidatos Levy Fidélis (PRTB), Eduardo Jorge (PV) e Luciana Genro (PSOL) chegaram a se agredirem moralmente por motivos até alheios ao interesse público. Já o Pastor Everaldo (PSC) mostrou sua tranquilidade de pastor e demonstrou nitidamente apoio a Aécio Neves auxiliando-o em seu espaço de tempo com perguntas que atingiam a candidata à reeleição.

   No balanço geral pode-se afirmar que o governo de Dilma foi bombardeado com munições dos escândalos do mensalão e da Petrobras, alta da inflação, economia em recessão, falta de uma política energética, o programa PAC todo inacabado e engavetamento de vários programas essenciais ao país. Sua fala na última Assembleia Geral da ONU foi severamente criticada que a mesma chegou a pedir direito de resposta que lhe foi negado.

   Marina da Silva recebeu críticas contundentes de Dilma, do Aécio e também de Luciana Genro, que aliás mostrou que mais estava lá para protestar contra todos do G-3; a ponto de Aécio ser ríspido e enérgico com ela, num momento que chegou a deixar bem claro a que ela estava lá.

  No balanço geral, repetimos, ninguém mostrou nenhum programa, as falas de Dilma mais pareciam falas de palanque, daquelas que despertam desconfiança; Marina mostrou insegurança, Eduardo – Fidélis – Luciana mostraram rebeldia e Everaldo mostrou que realmente é um pastor.


  O candidato que mostrou mais competência foi o Aécio e em     segundo plano a Dilma e aparentemente quem deve ter perdido alguns pontos foi a Marina ; e, deve tê-los perdido ao Aécio.

sábado, 4 de outubro de 2014

O ÚLTIMO CONFRONTO DO PRIMEIRO TURNO

                    O ÚLTIMO CONFRONTO DO PRIMEIRO TURNO
                                                                                                                   Por Gilson Marcio Machado


    Na noite desta quinta-feira, dia 02 de outubro, foi realizado o último debate político dos candidatos à presidência da república. O palco do confronto foi nos estúdios da Rede Globo no Rio de Janeiro, sob a mediação do jornalista Willian Bonner.
  Os candidatos que mais se destacaram foram Aécio Neves e Dilma Rousseff, com uma boa dianteira de Aécio pela sua firmeza e postura ao responder as perguntas e em fazê-las, ressaltando que não necessitou de nenhuma anotação para consultar a qualquer questão; não foi o caso de Dilma que desfolhava a todo instante uma espessa apostila de dados.
   Aécio questionava com firmeza e respondia de pronto às questões que lhes eram dirigidas, mostrando familiaridade com os assuntos de interesse nacional. Dilma, por vezes esquivava-se das perguntas e por vezes, mesmo tentando mostrar domínio dos assuntos de governo, não convencia com suas respostas , e por vezes era repetitiva como se tivesse passado por um teste oral antes do debate.
   Marina da Silva mostrou-se um tanto despreparada para confrontar os dois outros candidatos do G-3, nome dado pelos próprios candidatos, aos três melhores colocados nas pesquisas. Marina demostrava uma postura de humildade perante seus opositores e não conseguia ser convincente com suas colocações.
    Todos os candidatos falaram em programas de governo, principalmente Marina e sempre mencionando que somente ela o tinha, mas ninguém efetivamente apresentou algum programa. Dilma dava a entender que o seu governo e sua continuidade já seria o programa; Aécio falava que estava preparado para a presidência e chegava a convencer.
   Os candidatos Levy Fidelis (PRTB), Eduardo Jorge (PV) e Luciana Genro (PSOL) chegaram a se agredirem moralmente por motivos até alheios ao interesse público. Já o Pastor Everaldo (PSC) mostrou sua tranquilidade de pastor e demonstrou nitidamente apoio a Aécio Neves auxiliando-o em seu espaço de tempo com perguntas que atingiam a candidata à reeleição.
   No balanço geral pode-se afirmar que o governo de Dilma foi bombardeado com munições dos escândalos do mensalão e da Petrobras, alta da inflação, economia em recessão, falta de uma política energética, o programa PAC todo inacabado e engavetamento de vários programas essenciais ao país. Sua fala na última Assembleia Geral da ONU foi severamente criticada que a mesma chegou a pedir direito de resposta que lhe foi negado.
   Marina da Silva recebeu críticas contundentes de Dilma, do Aécio e também de Luciana Genro, que aliás mostrou que mais estava lá para protestar contra todos do G-3; a ponto de Aécio ser ríspido e enérgico com ela, num momento que chegou a deixar bem claro a que ela estava lá.
  No balanço geral, repetimos, ninguém mostrou nenhum programa, as falas de Dilma mais pareciam falas de palanque, daquelas que despertam desconfiança; Marina mostrou insegurança, Eduardo – Fidelis – Luciana mostraram rebeldia e Everaldo mostrou que realmente é um pastor.

  O candidato que mostrou mais competência foi o Aécio e em     segundo plano a Dilma e aparentemente quem deve ter perdido alguns pontos foi a Marina ; e, deve tê-los perdido ao Aécio.

A NATUREZA IGNORA OBSTÁCULOS

                                    A natureza ignora obstáculos
e por difíceis que sejam sempre acha o seu caminho. Assim é a biodiversidade da vida no planeta. A vida sempre vai em frente e continua.
    Por essa razão que por vezes nos deparamos com o contraditório em vários campos de atividades que nos rodeiam. Vamos apontar alguns exemplos:
. Os pássaros estão se comunicando de madrugada.
     Nos grandes centros onde o concreto predomina e ocupa todos os espaços modificando todo o habitat natural dos seres vivos e adicionando a poluição do ar e a sonora , é difícil de acreditar que os pássaros sobrevivam no ambiente.
    A natureza achou uma solução para sua sobrevivência. As pessoas que tem o hábito de acordar de madrugada passem a observar : os pássaros têm se comunicado durante a mesma, pois são os momentos que acharam para os seus lindos cantos e que se conseguem ouvir uns aos outros. Enfim , estão se comunicando antes que os altos decibéis do cotidiano das metrópoles se iniciem. A natureza deu o seu jeito.
. Os pintores que usam a boca e ou os pés.
    É muito difícil pintar uma tela a óleo, partindo do principio de que você não é um especialista na arte; porém, existem aqueles especialistas, talvez por dom da natureza, que nasceram sem os membros superiores e casos de até  sem os inferiores. Essas pessoas conseguem sobreviver mesmo com essas adversidades e conseguem fazer trabalhos maravilhosos em telas utilizando seus pinceis de pintura com a boca ou os dedos dos pés. A natureza deu o seu jeito.
. O planeta está em uma constante mutação.
    O planeta terra, nosso lar comunitário, não é diferente dos seres vivos que nele habitam, também tem vida própria, e assim sendo passa por metamorfoses estando em constantes transformações em seus oceanos, suas geleiras polares, seus climas regionais que apesar de regionais no somatório das regionalidades provocam mudanças globais. Adiciona-se a esses fatos o círculo de fogo do Pacífico nas entranhas da Terra que a cada ano interfere no clima do planeta, nas suas mares, nos índices pluviométricos e outros fenômenos de vital importância ao planeta.
    Os cientistas alertam para as agressões que o homem tem provocado à natureza, como a emissão de gazes poluentes, desmatamentos, e até o buraco de ozônio provocado por gazes expelidos por sprays e ou usados em eletrodomésticos, seriam as causas do aquecimento global e do efeito es- tufa. Porém, há correntes de estudiosos que afirmam que essas alterações no planeta de qualquer forma aconteceriam.
    Como um dos sermões de Cristo, fazendo alusão aos pássaros: Observem as aves do céu: não semeiam nem colhem nem armazenam em celeiros; contudo, o Pai celestial as alimenta. Não têm vocês muito mais valor do que elas. A natureza por si só acha seus caminhos e a vida continua.
   Claro que não quero aqui dizer que poluir o planeta é indiferente politicamente. Não convém não somente ao bem do meio ambiente como ao fator econômico da necessidade de reciclar e evitar disseminação de lixo não degradável ; bem como um ar sadio para nossos pulmões renovarem o oxigênio de nossas células, sem que os mesmos se agridam e se adoeçam.
    Mas a natureza dá o seu jeito, com agressão ou não do homem ao meio ambiente.
. Os fenômenos na reprodução dos seres vivos no planeta.
    No que tange à reprodução tanto dos animais de todas as espécies quanto à vida vegetal, temos inúmeros exemplos do que a natureza é capaz:
           . A própria evolução do homem no planeta, passando por metamorfoses em milhares de anos, aperfeiçoando-se e adaptando-se ao meio ambiente , tendo como ponto de partida à vida marinha, evoluindo para a vida terrestre, a natureza foi agindo modificando seus órgãos para sua sobrevivência em novos ambientes e novas situações, provendo-o da anatomia adequada. A natureza tem dado o seu jeito.
. O polem que reproduz os vegetais , não raciocina mas os vegetais se renovam e povoam as imensidões de terras do planeta. Muitos se propagam com o próprio vento e outros pela ação das aves ou insetos que de várias formas conseguem semear por vários recantos as sementes da flora. A natureza dá o seu jeito ...

     A natureza deve ser a menina-dos-olhos de Deus.

sábado, 27 de setembro de 2014

UM COLISEU NO INTERIOR DO CEARÁ

                            Um coliseu no interior do Ceará!


         Vespasiano, imperador de Roma, em 79 D.C. em carta ao seu filho Tito:
       “Tito, meu filho, estou morrendo. Logo eu serei pó e tu , imperador. Espero que os deuses te ajudem nesta árdua tarefa, afastando as tempestades e os inimigos, acalmando os vulcões.
        De minha parte, só o que posso fazer é dar-te um conselho: não pare a construção do Coliseu. Em menos de um ano ele ficará pronto, dando-te muitas alegrias e infinita memória.
       Alguns senadores o criticarão, dizendo que deveríamos investir em esgotos e escolas. Não dê ouvidos a esses poucos. Pensa : onde o povo prefere pousar seu clunis: numa privada, num banco de escola ou num estádio? Num estádio, é claro. Será uma imensa propaganda para ti. Ele ficará no coração de Roma e sempre que o olharem dirão : Estás vendo este colosso ? Foi Vespasiano quem o começou e Tito quem o inaugurou.
       Outra vantagem do Coliseu : ao erguê-lo, teremos repassado dinheiro público aos nossos amigos construtores, que tanto nos ajudam nos momentos de necessidade.
       Moralistas e loucos dirão que o mais certo seria reformar as velhas arenas. Mas todos sabem que é melhor usar roupas novas que remendadas. Até um cego vê isso. Portanto, deves construir  esse estádio em Roma.
       Enfim, meu filho, desejo-te sorte e deixo-te uma frase : Para seduzir o povo, pão e circo. Esperarei por ti ao lado de Júpiter.” ( * )
      
        Vespasiano e Tito devem ter virado em seus túmulos, pois não é que resolveram imitar o seu colosso em Roma; e, pasmem a imprensa brasileira descobriu nesta semana que no interior cearense, numa cidade chamada Alto Santo , que dista 243 quilômetros de Fortaleza, estão construindo um estádio no formato do Coliseu, com capacidade para 20.000 pessoas e a cidade, conforme censo de 2010, tem uma população de 16.359 habitantes, e nem sequer tem atualmente um time de futebol ativo.
        A população local é dividida quanto à obra faraônica, para o local, uns aprovam e outros não, especialmente porque aterraram um açude para construção da obra, numa região em que se sabe que a seca tem presença obrigatória de quando em quando.
        A ideia de construir esse descalabro aos cofres públicos surgiu no fim da década passada, quando o ex-prefeito de Alto Santo , Sr. Adelmo Aquino, visitou Roma e ao visitar o Coliseu, local obrigatório a todos os visitantes, o Coliseu , uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno, tendo na ocasião se encantado pelo mesmo e logo pensou em construir um estádio de futebol em sua cidade imitando a arquitetura do Coliseu.
       A data prevista para sua conclusão é o início de 2015 e os recursos para sua construção são divididos entre a prefeitura e o governo federal, segundo divulgado essa semana pela imprensa.
A foto em primeiro plano é da obra de Alto Santo e em segundo plano as ruínas do Coliseu em Roma.
Qualquer semelhança entre o conteúdo da carta de Vespasiano ao seu filho Tito, com a realidade política brasileira , é mera coincidência . Ou você acha ao  contrário ?
     Esses envolvimentos com construtoras são antigos, bem como a prioridade dada a obras visíveis aos olhos dos munícipes, em detrimento àquelas que são de extrema prioridade, porém não são vistas a olho nu, portanto, não promovem os políticos ,exemplo típico : saneamento básico e em especial “esgotos”.
      Em nosso país é assim, todos pensam muito grande, quanto mais caro melhor, e tem que ser algo que envolva construtoras, grandes contratos , portanto. Porque será ?
                       
       
(*) Essa carta é parte integrante de um capítulo

               do  meu livro Crônicas de um brasileiro.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Crônica Semanal de Gilson Marcio Machado - O Celular

                               CRÔNICA PUBLICADA EM 20.09.2014 JORNAL TRIBUNA
                                                   REGIONAL DE JARINU E  REGIÃO

Editorial do jornal Tribuna Regional : A dama de ferro....



                        EDITORIAL POR GILSON MARCIO MACHADO
                          TRIBUNA REGIONAL EDIÇÃO 20.09.2014

sábado, 21 de junho de 2014

NOITE DE AUTÓGRAFOS . LIVRARIA MARTINS FONTES PAULISTA



Gilson Marcio Machado lança o seu terceiro livro 
Crônicas de um brasileiro 2
na livraria Martins Fontes. Paulista
em São Paulo . dia 03.junho.2014


Adquira o seu exemplar diretamente no site da editora
www.allprinteditora.com.br

Também à venda nos sites das livrarias

Saraiva - Siciliano - Martins Fontes e outros



terça-feira, 13 de maio de 2014

CHEGOU O NOVO LIVRO DE GILSON MARCIO MACHADO:CRÔNICAS DE UM BRASILEIRO 2



                           ADQUIRA SEU EXEMPLAR DIRETAMENTE NO SITE DA
                              EDITORA :   www.allprinteditora.com.br

sábado, 1 de março de 2014

LIVRO: NOS TEMPOS DA BRILHANTINA - Alguns temas









                         
ADQUIRA SEU EXEMPLAR DIRETAMENTE NO SITE DA EDITORA 
  www.allprinteditora.com.br

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

JANTAR DE CONFRATERNIZAÇÃO DO JORNAL TRIBUNA REGIONAL

                       

                                 GILSON MARCIO MACHADO ao centro, à direita
                                 Rodrigo Parras, presidente da Câmara Municipal de Atibaia, e
                                 J. Sahlú, presidente do Tribuna Regional. À esquerda o prefeito
                                 de Campo Limpo Paulista , José Roberto de Assis que destaca
                                 seu exemplar do livro NOS TEMPOS DA BRILHANTINA.